18 de jan de 2012

CANTIGA

Ó peixe, peixinho,
Me ensina a nadar,
Quero ver belezas
Do fundo do mar.

Vem tu, passarinho,
As asas me dar
Para eu ir bem alto
A voar, voar.

Já estou enjoado
De na terra andar;
Novas aventuras
Eu quero tentar.

Não, não passarinho,
Não quero voar;
Caçador malvado
Me pode matar.

É melhorar na terra
Eu querer ficar,
E com que o que tenho
Eu me contentar.
(Maria de Sousa Silveira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário